Caso você seja um desenvolvedor web tipo front-end, e já está exausto de ficar escrevendo sempre as mesmas sintaxes de CSS, então já está mais que na hora de saber o que é Bootstrap. E claro, começar a usá-lo em seus projetos online.

Nesse nosso breve e rápido conteúdo de hoje iremos abordar de maneira simples, rápida e objetiva, quais são os principais benefícios em utilizar esse Framework.

Então, bora lá saber mais sobre o Bootstrap!

bootstrap o que é

O Que É Boostrap?

Nós não sabemos, mas pode ser que você já esteja bastante familiarizado com as funções dos frameworks da web. O seu conjunto de sintaxes para tarefas específicas que eles possuem permite por sua vez que os desenvolvedores web façam sites de forma rápida.

Tudo isso porque ele não tem a necessidade de ficar se preocupando com vários comandos básicos, ou então com funcionalidades adicionais.

Mas mesmo assim, ainda existia aquela falta de consistência, tudo isso devido ao grande uso das bibliotecas, o que precisaria de uma mudança bastante radical.





E foi assim que surgiu o Bootstrap, que no fim das contas apareceu como resposta para resolver essa questão. O Framework front-end tem seu código aberto oferecendo um desenvolvimento bem mais rápido e bem mais prático, e foi criado por duas pessoas. O Mark Otto. e o Jacob Thornton.

Ele possui todos os modelos de templates baseados em CSS e HTML para diversas funcionalidades e componentes. Como por exemplo a sua navegação, os carroceis  de imagens e de botões, e o sistema de grades. A sua jornada aqui não será cansativa jamais.

Mesmo que os Bootstraps economizem tempo de verdade que tanto os desenvolvedores precisam pra fazer o gerenciamento de seus templates. Saiba que o seu principal e maior objetivo de todos é sempre criar sites responsivos.

Esse incrível Framework permite que a interface de usuário de um website seja totalmente otimizada para qualquer que seja o tamanho da tela, podendo ser ela pequena, como de dispositivos móveis, ou até mesmo telas grandes para computadores com mais potência.

Então nesse caso os desenvolvedores não necessitam ficar se preocupando em criar diversas versões para um mesmo site, e para tamanhos diferentes de tela que temos disponíveis nos dia de hoje.

Devido a sua popularidade, a cada dia que passa surgem mais comunidades na internet para falar sobre Bootstrap. Saiba que esses lugares são excelentes para designers, e também para qualquer tipo de desenvolvedor web para trocarem ideias e falarem sobre suas experiências.




Arquivos Primários Do Bootstrap:

Então agora que você já sabe que é o Bootstrap é aquele Framework que consiste em uma coleção de sintaxes que realizam funções específicas, assim sendo ele só faz sentido se o Framework tiver diferentes tipos de arquivos.

Segue abaixo quais são os três tipos diferentes de arquivos primários que fazem o gerenciamento da interface do usuário, e também das funcionalidades do site.

Bootstrap.js:

O bootstrap.js é o arquivo que faz a parte central do Bootstrap, ele por sua vez consiste em arquivos JavaScript (JS), que são responsáveis por toda a interatividade do site.

Bootstrap.css:

O Bootstrap.css se trata de um Framework CSS que por sua vez faz a organização e também gerencia todo o layout do site. Enquanto isso o HTML faz todo o gerenciamento do conteúdo, e também cuida da estrutura de páginas na web. E o CSS então fica por conta do design da página.

Glyphicons:

Ícones com toda certeza fazem parte do front-end de um website, eles sempre são associados a certos tipos de ações e também de dados disponíveis na interface do usuário. Então o Bootstrap utiliza os Glyphicons para essa função. E ele já vem com vários desbloqueados e grátis para você usar.




Breve Conclusão:

Como você pode ver o Bootstrap é um Framework de código aberto e grátis, que a cada dia que passa conquista mais adeptos entre os desenvolvedores tipo front-end.

Além de sua facilidade de uso, e de economizar o tempo dos desenvolvedores, pois com o Bootstrap eles não precisarão mais ficar escrevendo de forma manual as sintaxes toda vez que forem programar.

Sem falar que o Framework é bastante flexível, podendo auxiliar o desenvolvedor web front-end em praticamente todas as suas necessidades.

Então caso você seja um desenvolvedor front-end, está mais que na hora de começar a utilizar o Bootstrap, e deixar as suas tarefas mais fáceis e ágeis.

Permitindo que as páginas da web sempre funcionem perfeitamente bem em telas de qualquer tamanho indiferente do dispositivo, mas principalmente nos dispositivos móveis.

É isso, por hoje é só, esperamos que esse breve e rápido artigo tenha o ajudado de alguma forma. Ficamos por aqui, até mais e muito sucesso 🙂

 

Leia também:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.